<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d1683737356227611907\x26blogName\x3drulote\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://rulote.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://rulote.blogspot.com/\x26vt\x3d-1687760607276517664', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

≡≡≡≡≡≡≡≡≡≡ 30.6.12

Paolo

Paulo Bento tem-tem, obviamente, um punhado nada desprezável de virtudes como-como treinador de futebol, mas eu acho bem mais fascinantes as suas casmurrices, a incapacidade de lidar com o mais pequeno vestígio de desordem, aquela vontade de asfaltar os campos e abater os animais selvagens, de forma que possamos, em sua companhia, atravessar o mundo sem-sem sobressaltos de maior, aprisionando a fúria nos músculos da face e nas covas dos olhos, e descobrindo, dentro da alma que nos resta, a nossa chama tranquila, o nosso próprio Sporting Clube de Portugal interior.

Como se sabe, por mais que encomende Drogbas ao criador do céu e da terra, todos os caminhos profissionais de Bento vão desembocar em Hélder Postiga. Se a Roma chegassem:

- Buona sera, Paolo Bento. Una questione: Cassano sarà presente a Euro 2012?
- Come spettatore, si.
- Balotelli...
- Spettatore.


1 Comments:

Blogger António said...

A tentação de confundir as exigências de Paulo Bento no que a um comportamento decente dos jogadores respeita com o seu horror a jogadores geniais é interessante. Mais interessante seria saber quem poria ele no lugar do esforçado e alucinado Postiga (o homem que se recusa a marcar golos que não sejam pouco mais do que fantásticos). O cavalo Almeida, o tenrinho Nélson? Paulo, o incompreendido.

1 de julho de 2012 às 14:33  

Enviar um comentário

<< Home